Dor no nervo ciático. Causas e tratamentos.

Teste de verificação de risco de Osteoporose – IOF
21 de October de 2019
Hérnia de Disco. Sintomas e tratamentos.
25 de October de 2019
Mostrar todos

Dor no nervo ciático. Causas e tratamentos.

Você sabia de 6% da população sofre com a dor no ciático? Um problema que afeta homens e mulheres, é caracterizada por dor e desconforto que pode variar de intensidade, provocar dormência, formigamentos, sensação de agulhadas e fraqueza muscular.
.
A dor é provocada principalmente pela compressão, inflamação de uma ou mais raízes nervosas que nascem na medula espinhal e vão formar o nervo ciático e de acordo com especialistas as sua frequência pode ainda aumentar com o envelhecimento, visto que com o passar dos anos as estruturas da coluna vertebral acabam sofrendo um desgaste que pode comprometer tanto a medula espinhal, quanto as raízes que dão origem as nervos.
Como identificar os sintomas?
.
  • Dor que irradia da coluna lombar para a parte posterior da coxa e da perna;
  • Aumento da dor na perna com tosse, espirro ou estiramento da coluna;
  • Diminuição da força muscular;
  • Perda de sensibilidade ou diminuição dos reflexos na região afetada;
  • Aumento da dor com a manobra de elevar o membro inferior esticado se o paciente estiver deitado.
  • .
Na verdade, os sintomas da compressão do ciático podem variar muito, estar ou não associados à dor lombar e, em geral, pioram à noite. E as causas podem ser diversas, entre elas: má postura, sobrepeso, sedentarismo, passar muito tempo sentado, tumores, diabetes e vírus da herpes ou da catapora, apesar de estar geralmente associada a alterações na coluna — como compressões, lesões ou inflamações do nervo.
.
Apesar de incomum, a compressão do nervo pode desencadear um processo inflamatório, que faz com que a dor e o incômodo sejam irradiados para a parte de trás da perna.
Quais as alternativas de tratamento?
.
Após identificar a dor, o primeiro passo é procurar um especialista para validação do diagnóstico e quais as causas da dor. A partir disso, dependendo da evolução do quadro, a fisioterapia tem papel fundamental para alívio do desconforto e dor.
.
Quando a dor ainda não está na fase aguda, outras associações terapêuticas podem ajudar na busca do fortalecimento muscular e equilíbrio. Massagens, calor, reeducação postural, alongamentos, exercícios, fortalecimento, são medidas fundamentais não só para promover a descompressão do nervo, mas também como para prevenir as crises.
.
Na Clínica Coluna Porto Alegre, você encontra planos de tratamento para todos os problemas relacionados à prevenção e tratamento s coluna vertebral.
Agende avaliação (51) 99944.5703. Dr.Jorge Schreiner e Dr. Lucas Zanetti

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *