Lombalgia crônica é uma das principais queixas de pacientes com transtornos musculoesqueléticos. Definida pela presença de dor na região lombar com duração superior a 7-12 semanas, a lombalgia acarreta uma série de limitações, como a restrição da capacidade para o trabalho, limitação para atividades sociais, problemas emocionais e redução da qualidade de vida, estando também frequentemente associada à depressão.
.
Entre 16,4 a 73,3% dos pacientes com lombalgia crônica apresentam depressão. Condição que se agrava conforme a intensidade e persistência da dor, o aumento da incapacidade funcional, isolamento social, entre outros fatores.
Isto ocorre justamente porque fatores psicológicos têm grande influência sobre o funcionamento do corpo. Ou seja, pacientes com depressão apresentam maior intensidade de dor, maior medo de movimento e de realizar atividades físicas.
.
Uma revisão bibliográfica realizada com 11 estudos mostrou que sintomas depressivos estão fortemente relacionados a uma maior tendência para desenvolver dor lombar. Em idosos essa relação aumenta ainda mais. Além deste, outro estudo com análise de dados de pacientes no Japão, também identifica que indivíduos depressivos relatam índices de dor lombar mais altos.
.
Apesar da relações entre dor lombar e depressão ainda não estarem completamente claras para a ciência, de qualquer modo, o que podemos perceber é que ela existe e que uma doença pode ser o gatilho e aumentar o risco para outra.
.
Não pode-se afirmar qual patologia surge primeiro. O que pode-se garantir é que na maioria das patologias, a idade é um fator de risco importante, e o mesmo ocorre com a dor lombar.
.
Sabendo disso, prevenir com programas específicos que possam trabalhar o emocional e o desenvolvimento funcional, para estimular a independência e sociabilidade deste idoso, é uma maneira de diminuir este percentual que associa ambas as patologias (lombalgia e depressão), promovendo a qualidade de vida e independência na terceira idade.
.
Clínica Coluna Porto Alegre. Programa multidisciplinar para uma vida sem dor | Porto Alegre. (51) 399944.5703 Agende sua avaliação.
.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *